Blog Jornal a Notícia - Falando a Verdade

Flávio Dino: “Vamos reduzir de novo impostos para pequenas empresas”

Governador Flávio Dino fala em encontro de candidatos na Fiema

     O governador e candidato à reeleição Flávio Dino confirmou nesta terça-feira (4) que as novas propostas para 2019 em diante incluem a redução da carga tributária para micro e pequenas empresas no Maranhão. Ele participou do Encontro Empresarial com os Candidatos a Governador, organizado pela Fiema (Federação das Indústrias do Estado do Maranhão).

     Flávio lembrou que as micro e pequenas empresas correspondem a 90% do total no Maranhão. Em 2015, o governador já havia diminuído os impostos das empresas do Simples, que é um regime tributário para os pequenos empreendedores.

     “Fizemos em 2015 e vamos fazer de novo em 2019, reduzindo o diferencial de alíquotas de operações interestaduais.”

     Ele lembrou que, quando assumiu, as alíquotas de ICMS cobradas das pequenas empresas estavam sem mudança havia anos, prejudicando os negócios.

     “Em 2015, fizemos aprovar a lei estadual que reduziu essas alíquotas. Vamos rever essa tabela para reduzir ainda mais, criando inclusive faixas de isenção para as empresas optantes do Simples. Muitas dessas empresas só mantiveram as portas abertas por causa da lei de 2015. Vamos reduzir, grosso modo, para a metade as alíquotas e percentuais das micro e pequenas empresas”.

     “Trocamos uma política tributária que beneficiava 100 empresas por uma que beneficia 100 mil empresas. Essa é uma diferença substantiva. Nós governamos para todos”, acrescentou.

Transparência

     Flávio também ressaltou que “agimos com transparência, com a separação dos interesses públicos e privados. Nenhum dos presentes pode dizer que um parente meu se ocupou de negócios privados para concorrer com as empresas maranhenses”.

     “Parece uma obviedade, mas é uma novidade essa separação de interesses públicos e privados. Não há porta giratória no nosso governo. Dialogamos sempre com o setor privado, mas não concorremos com o setor privado. Interesses familiares e particulares não se sobrepõem na relação com os empresários”, afirmou.

Turismo

     Ele disse que será dada ainda mais ênfase ao crescimento do turismo. “Vivemos o melhor momento do turismo no Maranhão”, afirmou, dando exemplos como a nova estrada para Santo Amaro, a valorização do Centro Histórico e a melhoria de acesso da Rota das Emoções.

Menos burocracia

     O governador ressaltou ainda o papel do programa Empresa Fácil para o ambiente de negócios do Maranhão. Na gestão atual, 100% dos municípios do Estado aderiram à Rede Sim, que facilita a vida dos empresários.

     “Apesar da crise devastadora, temos uma trajetória ascendente da abertura de novos negócios, que levavam 90 dias para ser registrados e hoje em cinco ou seis horas estão registrados, por conta da Rede Sim e do programa Empresa Fácil. Estamos em 2018 quebrando recordes de abertura de empresas. Já temos 20.151 empresas abertas em 2018.

Rubens Júnior vota a favor de MP que reduz preço do diesel para caminhoneiros

O deputado federal Rubens Pereira Júnior: importante caminhar ao lado dos caminhoneiros

     “Nós votamos a favor da MP porque entendemos importante caminhar ao lado dos caminhoneiros, tão massacrados pelas retiradas de direitos do governo Temer”, afirmou o deputado federal Rubens Pereira Jr (PCdoB-MA), após votar favorável à Medida Provisória 838/18, que concede subsídio com recursos da União para reduzir o preço do óleo diesel rodoviário até 31 de dezembro de 2018.  A matéria foi na Ordem do Dia do Plenário da Câmara Federal nesta terça-feira, 4.

     A MP foi uma das principais reivindicações dos caminhoneiros, cuja greve em fins de maio provocou crise de abastecimento de combustíveis e de produtos em todo o País. A matéria será agora votada pelo Senado.

     Em seu projeto de lei de conversão para a MP, o deputado Arnaldo Jardim (PPS-SP) incorporou o texto da MP 847/18, que corrigiu detalhes da 838/18, como a restrição do subsídio ao óleo diesel de uso rodoviário (ônibus, caminhões e máquinas agrícolas).

     A versão original da primeira medida permitia a incidência da subvenção econômica também para o diesel marítimo e o usado na geração de energia elétrica e no transporte ferroviário.

     O total de recursos direcionado à subvenção será de R$ 9,5 bilhões e ela será limitada a R$ 0,30 por litro desse combustível. Caberá à Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) estabelecer um preço de referência e um preço de comercialização para a distribuidora de forma regionalizada.

Escola em Cidelândia tem menor Ideb da rede estadual

Escola em Cidelândia em que anexo obteve a menor nota do Ideb 2017

         O Centro de Ensino Isaura Amorim – Anexo I, em São João do Adiboral, no município de Cidelândia, foi a escola da rede estadual de educação no Maranhão que obteve a média mais baixa do Índice de Desenvolvimento do Ensino Médio, IDEB.

     Com Ideb de 1.1, a escola ficou abaixo da meta para 2019 que seria 1.2. Para 2021, a meta é de 1.4. Na escala de avaliação, a escola de Cidelândia, ocupa a 461ª posição.

     Escola de ensino médio foi inaugurada  em 8 de abril de 1979, quando Cidelândia ainda pertencia ao município e Imperatriz, na adminitração o prefeito Carlos Gome de Amorim, com apenas quatro salas. Passou por quatro ampliações e pequenas reformas ao longo dos anos

 

Turilândia recebe Caravana 65 com grande entusiasmo

Toca Serra, o prefeito Alberto e Flávio Dino: aliança para o  trabalho

           Centenas de pessoas foram às ruas de Turilândia no domingo, 2, para receber a Caravana 65, capitaneada pelo governador Flávio Dino, candidato à reeleição. O ato político contou com a participação de políticos do município, da região e do estado. No município, o governo do Estado realizou obras de grande repercussão na infraestrutura, como o Mais Asfalto; na educação, construindo escola; na saúde com a doação de ambulância; e gerando trabalho e renda.

Carreata 65 em Turilândia foi marcada pelo entusiamo do povo

     Dino fez um comparativo com a passagem bíblica sobre a luta de Davi contra Golias.  “A Bíblia quer dizer que não podemos nos intimidar com as dificuldades.  No caso do Maranhão é assim que tenho governador. Peguei  um Golias terrível”, assinalou o governador. Flávio Dino parabenizou o prefeito Alberto Magno pelas iniciativas em trazer programas para o município como o Mais Asfalto.

Público presente no ato político em Turilândia foi numeroso

     No evento político que concentrou um grande público, no mesmo palanque se reuniram vários candidatos que concorrerão no pleito deste ano, como Júnior Marreca, deputado e candidato à reeleição, Othelino Neto e os candidatos ao Senado, Eliziane Gama e Weverton Rocha, entre outros.

Candidato ao Senado, Weverton fala sobre avanços do estado e importância da representação

          O ato político contou com apoio de Toca Serra, candidato a deputado estadual que tem apoio do prefeito Alberto Magno.

     Durante o evento, o vereador Walinson Menezes destacou o apoio que o governador Flávio Dino tem dado à administração do prefeito Alberto Magno  e, por consequência, à população de Turilândia. “Pelo trabalho que tem desenvolvido, o governador Flávio Dino merece a reeleição”. Ressaltou Menezes.

     O deputado federal Weverton Rocha e candidato ao Senado, criticou as manobras para retirar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ressaltou a importância da representação do grupo político do governador Flávio Dino eleger dois senadores coesos na luta pelo Maranhão.

Eliziane Gama discursa em Turilândia ao lado do prefeito Alberto Magno

          Candidata ao Senado, a deputada federal  Eliziane Gama lembrou a vinculação familiar com a família do prefeito Alberto Magno. “Vamos no Senado de fato representar o estado do Maranhão “, enfatizou Gama.

Felipe Camarão faz visita técnica a Santa Rita

O secretário Felipe Camarão em visita a escolas da rede estadual de Santa Rita

     O prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, recebeu nesta quinta-feira, 23, no município o secretário de estado da Educação, Felipe Camarão.  Acompanhado de sua equipe técnica, o secretário e o prefeitos estiveram visitando as escolas Monsenhor Dourado e João Batista de Carvalho, pertencentes à rede estadual de ensino.

    O secretário Felipe Camarão vistoriou as instalações das escolas e garantiu que a Seduc vai realizou obras de melhoria da infraestrutura e equipamentos dos estabelecimentos.

     “Isso é muito importante para melhorar o desempeno dos alunos e também de mais condições de trabalho para os professores e alunos. ‘, disse Felipe Camarão.

     O secretário de Educação de Santa Rita, Paullo Márcio, e o vereador Júnior Enfermeiro fizeram parte da comitiva que visitou as escolas do Ensino Médio.

PSOL coloca em pauta razões dos índices de pobreza do Maranhão

Os candidatos ao Senado, Saulo PInto,, e a governador do Maranhão, Ovídio Neto

     A coligação “Sem medo de mudar o Maranhão”, integrada pelo Partido Socialismo e Liberdade(PSOL) e o Partido Comunista Brasileiro(PCB), promove neste sábado,25, a partir das 9 horas, o seminário “Estrutura Oligárquica e governo Flávio Dino: uma analise política e econômica do Maranhão”. O seminário acontece na sede do PSOL, localizada no Av. Universidade, bairro Cohafuma.

     O evento terá como palestrantes os professores universitários Wagner Cabral, Alex Brito e o ativista politico Marcos Silva.  O objetivo do evento é propiciar uma visão histórica da trajetória politica e econômica das últimas décadas no Maranhão, como forma de  levar os participantes a refletirem sobre os porquês deste Estado ainda amagar índices sociais e econômicos muito abaixo da média nacional.

     “Vivemos num Estado subdesenvolvido, periférico e dominado por um capitalismo de espólio. A oligarquia Sarney representa a continuidade das capitanias hereditárias, em que o público é apenas uma extensão dos negócios privados da família. Com Flávio Dino, temo um ‘choque de mais capitalismo’, com números escandalosos de violência no campo, encarceramento de pobres e negros, com políticas de um reformismo de baixa intensidade”, expõe Saulo Pinto, candidato ao Senado.

      O candidato ao governo do Estado, Odívio Neto, afirma que do  governo da oligarquia para o governado do PCdoB houve uma transição de nomes. “Saiu a Roseana Sarney e entrou o Flávio Dino que formou um grupo com muitos componentes do grupo da Roseana. O sistema político de governar, o modelo econômico não modificou. Os dados sociais, apesar da crise no país, não se alteraram, não se viu nenhuma luz no fim do túnel que resgatasse o povo da pobreza. Se não alterarmos o modelo econômico e político, não vamos conseguir melhorar as condições sociais do nosso povo”, enfatiza.