Blog Jornal a Notícia - Falando a Verdade

PORTO RICO: O Governo do Estado incentiva o Potencial Agrícola aos Municípios.

Governo Dino incentiva atividade no campo

O Governo Dino instituiu o Programa Maranhão Forte, no âmbito da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca, com o objetivo de estimular a produção agrícola entre os agricultores familiares e promover o aproveitamento racional do potencial agrícola dos municípios do Estado. Esta semana prefeitos foram reunidos para receber insumos destinados aos produtores rurais dos seus territórios. 


Entre os contemplados está o gestor de Porto Rico, que fica na Região Litoral Ocidental Maranhense . O prefeito Aldo Brown foi um dos 19 gestores chamados a se integrar à rede do programa, pelo recebimento de equipamentos agrícolas. Coordenando a distribuição estava o secretário de estadual da Sagrima, Sérgio Delmiro. Foi o prosseguimento da segunda etapa do programa, levada a efeito em São Luís, no Palácio dos Leões.


Objetivo – O secretário comentou que o Programa Maranhão Forte “é um viés fortalecedor da economia pela geração de emprego e renda no meio rural”. E que se desenvolverá em três etapas, ao longo das quais milhares de famílias, envolvidas com a agricultura familiar, receberão insumos para aproveitar melhor o potencial de suas atividades. No caso de Porto Rico , agricultura e pesca são as bases da economia local.


Para o prefeito é muito gratificante voltar ao município com essas ofertas e ver a satisfação estampada no rosto de cada morador da zona rural. Ao agradecer ao governador, lembrou que a iniciativa das parcerias estabelecidas entre o Estado e os Municípios é de grande valia para a implantação de programas desenvolvimentistas, “pois é difícil ao Município, principalmente na atual crise, reservar recursos para investimentos. A ajuda externa é bem vinda”.


Zero imposto – O governador Flávio Dino, ao referir-se ao programa, disse: “Esse programa entrega equipamentos para agricultura, piscicultura, apicultura, pesca; portanto, apoia a produção e geração de renda. Temos investimentos em obras para gerar empregos, políticas sociais e de apoio aos produtores. Teremos outras etapas para beneficiar esse setor econômico. Como próxima medida, iremos zerar os impostos para todos os produtos originados dessas atividades, com o fim de estimular a produção e a comercialização, gerar renda para milhares de famílias no Maranhão”.
Foram contemplados nesta segunda etapa: Aldeias Altas, Araguanã, Bela Vista, Cândido Mendes, Carolina, Governador Newton Belo, Jenipapo dos Vieiras, Maracaçumé, Maranhãozinho, Pedro do Rosário, Porto Rico, Raposa, Riachão, Santa Inês, Santana do Maranhão, São José de Ribamar, Vila Nova dos Martírios, Zé Doca e São Luís.

Categoria: Notícia Geral

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*