Blog Jornal a Notícia - Falando a Verdade

Justiça proíbe divulgação de pesquisa irregular feita pelo Instituto Atitude em São José de Ribamar

A juíza Teresa Cristina de Carvalho Pereira Mendes, da 47ª zona eleitoral de São José de Ribamar, proibiu nesta segunda-feira (09), que o desconhecido Instituto Atittude, acusado de realizar pesquisas fraudulentas em vários municípios do Maranhão, divulgue uma suposta pesquisa realizada na cidade balneária.

Com diversas irregularidades, o Instituto, que segundo dados públicos da Receita Federal, não tem sequer endereço, além de estar inapto para funcionar, pretendia divulgar uma suposta pesquisa até sábado.

Após tomar conhecimento de denúncias de que uma pesquisa irregular seria divulgada pelo Instituto, os advogados da coligação Esperança e Mudança para São José de Ribamar, do candidato Dr. Julinho (PL), protocolaram representação contra a empresa.

Verificadas as irregularidades informadas, a juíza determinou a imediata suspensão de qualquer divulgação de pesquisa realizada pelo Instituto.

A decisão, além de um balde de água fria em quem tentava enganar a população de Ribamar com pesquisa irregular, e que poderia mostrar números totalmente diferentes daqueles que já foram divulgados por pelo menos três outros Institutos, todos confirmando a vitória de Julinho, deve alertar outros 15 municípios que poderão cair na armadilha.

Confira aqui a relação de cidades que o Instituto pretende divulgar pesquisa irregular.

Veja a decisão completa aqui.

 

maramais

Categoria: Notícia Geral

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*